13/05/2016 0 Comments AUTHOR: Ilma Vieira Silva CATEGORIES: Criança, Palestras, Vida Cristã Tags:, , ,

O JARDIM DO LAR IDEAL

Todos gostam de flores e de plantas e todos querem ter um lar feliz. Lares são jardins onde cultivamos as nossas plantinhas – Que são nossos filhos.

PREPARAR O SOLO – Escolher a terra, verificar o adubo, o PH e tomar outras medidas preparatórias.

Para constituir a família é preciso um “SOLO” BEM PREPARADO. Os jovens crentes começam a preparar o solo para que Deus indique o seu par conjugal, para que haja um ambiente propício para desenvolver a personalidade das crianças para que cresçam para a glória de Deus.

  • O primeiro fundamento para a edificação de um lar feliz é:

. Aceitação das diferenças individuais – Gn. 1:27 macho e fêmea os criou. As pessoas são diferentes.

  • O segundo fundamento é o autocontrole. É preciso respeitar para ser respeitado. Cada pessoa tem seu lugar na família. Tratar o outro como gostaria de ser tratado: Lc. 6:31 :” Tudo o que vós quereis…” Pais , filhos, empregados, todos merecem respeito.

Exercitar o domínio próprio para não usar palavras que ofendem falar só o necessário: Cl. 3:13 “Suportando e perdoando uns aos outros”.

  • MINHOCAS – Elas tem função importante representam a compreensão tão necessária nos lares é o terceiro elemento. Silenciosamente revolvem a terra “arejando-a e oxigenando-a”. Compreendendo cada pessoa, explicando e ajudando para que todos se compreendam, trabalhando para controlar as emoções para que haja equilíbrio “Ecológico” na família para o seu desenvolvimento.
  • COOPERAÇÃO de todos para que haja harmonia. Um ajudando o outro, contribuindo para a felicidade do lar.

Com o terreno preparado chegou a hora de arranjar as primeiras pessoas para formar o lar: É a escolha do par conjugal.

A escolha deve ser feita com oração Para que Deus – O SOL habite e ilumine o lar todos os dias. A escolha deve estar sempre de acordo com a vontade de Deus. Quando Deus está no controle o jardim floresce para a glória de Deus.

Em todo jardim aparecem muitas PRAGAS que prejudicam o crescimento das plantas.

  • LAGARTA PRETA – Representa CIÚMES: O ciúme é uma inquietação mental causada por suspeita ou receio de rivalidade no amor ou em outra aspiração. O ciúme faz a mesma coisa entre o casal: Levanta suspeita infundadas fazendo com que os cônjuges percam a confiança entre eles, causando brigas, desuniões, destruindo as raízes do amor que pode ir morrendo aos poucos. O mesmo inimigo que semeia joio no meio do trigo faz nascer o ciúme na família. O ciúme também é resultado de inferioridade e falta de confiança em si mesmo.
  • LAGARTA VERDE MAIOR – Este tipo de lagarta só ataca a noite. Geralmente os morangos; os japoneses se levantam a noite para matá-las uma a uma. Elas representam MÁGOAS E SENTIMENTOS AMARGOS que atacam a noite quando colocamos a cabeça no travesseiro, tirando o sono quando a pessoa sente humilhações, queixas, pequenos esquecimentos de datas especiais, datas de aniversário, falta de colaboração em casa, esses sentimentos logo que se coloca a cabeça no travesseiro. Estes sentimentos amargos e estas mágoas são remoídos e fazem murchar e morrer as plantas do lar ideal.
  • LAGARTA VERDE MENOR – Essa lagarta anda em cima e nas beiradas das folhas e das flores e causam grandes estragos. É comparada a INVEJA. Essa palavra é encontrada 23 vezes na bíblia. 1Co. 3:3… “ Por que ainda sois carnais: Pois havendo entre vós inveja, contendas e dissensões, não sois por ventura carnais, e não andais segundo os homens?”

Rm. 13:13 “ Andemos honestamente como de dia: Não em glutoneria, nem bebedeiras, nem em desonestidade, nem em dissoluções, nem em contendas e invejas.” Como as lagartas pequenas, assim é a INVEJA… Envolve toda a família: Pessoas, cunhados, irmãos… causando competições perigosas que podem até abalar as finanças no lar.

  • LESMA E CARACOL – Representam a televisão… atacam o broto das plantas as flores não chegam a desabrochar por que matam as flores. Andam devagar como a TV entra devagar nos nossos lares destruindo a vida espiritual também destrói a moralidade, os valores, retiram o diálogo da família, atrapalham o culto doméstico, destrói a mente das crianças e dos pais.
  • LAGARTA CABELUDA – É a chamada “ lagarta de fogo” 1Co. 1:10 “ Que não haja entre vós dissenções, mas que sejais unidos em um mesmo parecer” – Gritos, xingamentos, desavenças, discussões… são os CONFLITOS na mente das crianças. Elas não sabem nem compreendem o “Porque” das desavenças. Esses conflitos causam cisão na mente das crianças impedindo o desenvolvimento emocional normal. Lc. 16:13 a mente repartida pode provocar doenças mentais e a bíblia nos diz na passagem de Lucas: ”Não podeis servir a Deus e a Mamon”. E também em Tiago 1:8 lemos “ O  homem de coração dobre é inconstante no seus caminhos”. No velho testamento em 1Rs. 18:21 lemos o seguinte: “ Até quando coxiareis entre dois pensamentos?” Nossa mente não pode ficar dividida: Gritos, palavras pesadas, xingamentos, falar alto demais, assustam a criança e corremos o risco de invocar a presença do inimigo com essas atitudes.
  • JOANINHA – É bonitinha, colorida parecem inofensivas mas desempenham papel não muito bom para as plantas. Elas representam na família duas coisas que seria bom não existirem INCOMPREENSÃO E MAU HUMOR. As ordens dada as crianças devem ser claras e compreensíveis para que a criança entenda as ordens dada e tenham mais facilidade para obedecer. Não somente as crianças mas todos devem compreender o que é dito para que haja ordem no funcionamento da casa. Quando as coisas não vão bem aparece logo o mau humor. O bom humor deve ser cultivado desde que o lar é formado. Quando os pais são mau humorados as crianças aprendem também o mau humor e é triste verificar em muitos lares crianças que já acordam mau humoradas por que já aprenderam com os adultos é preciso cultivar a compreensão parar de discutir, deixar de acusar-se mutuamente, para parar conversar delicadamente manter o sorriso e chegarem sempre a um acordo…
  • FORMIGAS GRANDES – 1:26. As formigas são laboriosas estão sempre em atividade quando são observadas ao encontrar umas com as outras parece que estão se cumprimentando, por isso nós podemos achá -las trabalhadoras mas também “ fofoqueiras”, param com todas as companheiras para se “ cumprimentarem” mas sabemos que a fofoca é algo prejudicial na família. Tiago nos adverte que “ Quem não refreia sua língua engana seu coração e a religião dele é vã”. Fofocas são prejudiciais pelas mentiras que espalham causando problemas para outras pessoas e fazem a família perder tempo com coisas que poderiam ser melhor utilizadas.
  • BORBOLETAS – São lindas e alegram os jardins têem alguma utilidade porque voando de flor em flor ajudam na polinização das plantas. Mas também as borboletas podem representar as futilidades que nos ensinam a gastar o dinheiro naquilo que não é pão. Todo mundo conhece pessoas muito vaidosas que gastam o dinheiro em coisas supérfulas e deixam de usá -lo em alguma coisa útil que pode beneficiar sua própria família ou algum necessitado.
  • PULGÕES – é a pior praga e causam os piores estragos eles atacam as folhas da couve por exemplo e ficam bem escondidos são tão perigosos porque são também perigosos. O s pulgões representam a INFIDELIDADE que é a traição a transgressão da fé matrimonial. A infidelidade chega de vagarinho esconde – se debaixo da folha multiplicam – se rapidamente e vão causando os estragos na família, quando chega a ser descoberta a infidelidade existe o perigo de separações, divórcios e se desfazem os laços matrimoniais.

Todas estas pregas que prejudicam o desenvolvimento do jardim no lar ideal podem ser destruídas. Quando o jardineiro percebe as pragas que estão destruindo o seu trabalho tão lindo ele providencia todos os recursos para eliminar essas pragas.   Ele encontra os remédios nas farmácias e aplica no jardim e pode refazer o seu trabalho. Mas as pragas do jardim do lar ideal não se consegue exterminá – las com inseticidas, mas o remédio principal que pode ser usado sobejamente a qualquer dia e a qualquer hora só exite com uma pessoa: O remédio chama – se oração e o doador do remédio é Deus: Mt. 7:7 “ Pedi e dar-se-vos-á”. O remédio deve ser usado todos os dias para que possamos ver desabrochar as flores que devem brotar e crescer no jardim do lar ideal.

Mas para isso são necessários alguns elementos para “ adubar” a terra:

  1. Carinho, apreciação, paciência, Lc. 6:31 “ Tudo que vós quereis”.
  2. Alegria, contentamento Pv. 15:13 “ O coração alegre formoseia o rosto”.
  3. Hospitalidade Hb. 13:2 “ Não vos esqueçais da hospitalidade pois ela sem saber hospedaram anjos”.
  4. Paz Mt.12:25 “ Toda casa dividida…”
  5. Piedade 1Tm. 4:8 “ Porque o exercício corporal para nada aproveita ,mas a piedade para tudo é proveitosa”.
  6. Pureza 1Tm. 5:22 “ Conserva – te a ti mesmos puro”.
  7. Bondade, mansidão, gozo, fé Gl. 5:22 “

Existem três elementos que não podem faltar ao desenvolvimento de um belo jardim TRABALHO – AR – ÀGUA

  • TRABALHO E ABELHAS – Polinização 2Ts. 3:10 “ Quem não trabalha não come”.
  • AR – Oxigênio “planta debaixo da pedra” o ar é a PALAVRA DE DEUS Sl.119:116 “Sustenta – me com atua palavra para que viva”.
  • ÁGUA – É O AMOR sem água ninguém vive, e o amor deve regar todas as flores do jardim. Pv. 10:12 “ O amor cobre todas as transgressões” Rm. 13:10 “ O amor não faz mal ao próximo”.

COOPERAÇÃO – SOL – E DEUS

FOTOSSÍNTESE: Presença constante de Cristo:

Dos gases que compõem o ar, o oxigênio é o mais importante. Ele é consumido por todos os animais. Eles inspiram o oxigênio e expelem o gás carbônico mesmo assim a reserva do oxigênio não se esgota.

Isso acontece porque o consumo do oxigênio é compensado pela produção realizada pelos vegetais.

Com a luz do sol, e a CLOROFILA um pigmento existente em quase todos os vegetais, estes transformam substâncias minerais em orgânicas o que permite que os animais e o homem possam alimentar – se.

Os animais não são capazes de realizar este tipo de transformação. O nome desse processo realizado pelos vegetais é a FOTOSSÍNTESE.

Durante o mesmo os vegetais consomem o gás carbônico e produzem o oxigênio. É importante calcular o valor dos vegetais e das florestas e o perigo que representa a destruição das árvores pois todos os vegetais produzem oxigênio.

A FOTOSSÍNTESE,  o processo pelo qual as plantas transformam o gás carbônico em oxigênio com a utilização da luz solar. É o processo mais importante da face da terra.

A luz é o agente que capacita as plantas verde a transformar o ar viciado em ar  puro. Sem a fotossíntese não haveria vida humana nem animal. Jo. 8:21,9,5 – Lemos que Jesus é a LUZ DO MUNDO.

A FOTOSSÍNTESE  ilustra bem o lugar de JESUS CRISTO nos lares. Ele é a luz que transforma as coisas ruins – gás carbônico – em elementos utilizáveis.

Basta a presença da luz nas plantas, assim também basta a presença de Cristo nos lares para transformar o que é inútil em útil.

A luz de Cristo em nossos lares faz florescer a bondade, paz, pureza, mansidão, gozo, fé, alegria tudo o que representa o fruto do Espírito tornando nossos lares mais ajustados e mais úteis para a glória de Deus. Sl. 16:11 “ Farme-as ver as veredas da vida; na tua presença a abundâcia de alegrias; à tua mão direita há delícias perpetuamente.”

 

(Os desenhos desse artigo estão no meu livro: Como vai sua Família)

Could not resolve: urls.api.twitter.com (Domain name not found)